Terça-feira, 17 de Maio de 2005

Políticas Sociais (1)

papa_morte_epa.jpeg


As políticas sociais, sendo o meio de equilibrar e regular as sociedades, podem ser promotoras de emprego e são sem dúvida importante indicador do desenvolvimento das sociedades humanas.


É objectivo desta candidatura, que a Junta de Freguesia em cooperação com as colectividades existentes e com as entidades ministriais competentes, criar uma rede de apoio domiciliário a idosos, doentes, deficientes e pessoas sós.


Sem esquecer o esforço a realizar para finalizar candidaturas para a criação de Centros Comunitários em Vale Judeu, Parragil e Estação/Quatro Estradas, serão criadas equipas móveis que assegurarão as refeições diárias; apoio de higiene, limpeza e enfermagem; gerirão a medicação e apoio médico. Uma entidade coordenadora, dará formação aos funcionários, que deverão ser contratados, preferencialmente na área de residência dos apoiados, para garantir a convivialidade e humanização necessárias neste apoio.


Valorizar a esperança de vida e promover segurança e cuidados!

publicado por aalmeilda às 22:36
link do post | comentar | favorito
|
16 comentários:
De Antnio Almeida a 19 de Maio de 2005 às 00:56
Amigo Tou-ta-Ver, (tenho que o tratar assim), não o conheço, mas fico muito grato pela confiança que as minhas propostas encontraram no seu julgamento. Saiba que no estado em que nos encontramos socio-economicamente falando, vamos precisar da energia de muitos e das confiança de muitos mais para desenvolver a freguesia e o concelho. O que me apoquenta e faz temer, neste desafio, é saber em que medida se pode ganhar o apoio da câmara para a resolução dos assuntos da freguesia. O que garanto é que lutarei, não me calarei. irei onde fôr preciso para obter os meio que são necessário para resolver os atrsos estruturais que temos. Agradeço o apoio do Partido Socialista a esta candidatura, respeitá-lo-ei por isso. mas estarei com as pessoas porque são elas o motivo da minha disponibilização para esta luta. Mas é bom saber que sou escutado, quem não gosta de incentivos? Modéstia à parte, gosto do incentivo que me deu... Obrigado! Prometo dar o meu melhor para dar visibilidade à freguesia, mesmo que não ganhe, terei dado o meu contributo e os cidadãos saberão que têm direito a mais do que lhes têm dado. Por mim ficarei sempre satisfeito, fico bem com a minha consciência. terei dado o que podia em proveitos dos meus iguais, terei tentado remar contra a crescente onda para o alheamento, contra o salve-se quem puder, contra o abstencionismo... Não desculpabilizarei a política e os políticos, antes exigirei participação cívica dos cidadãos.


De Rui Miguel a 19 de Maio de 2005 às 00:41
Muito me conta Tou-ta-Ver. Afinal é esse o négocio. Nossa Senhora!? Tenha Piedade desta cambada que nos governa. Não dão ponto sem nó. Sinceramente prometer as pessoas um hospital e depois dar-lhes isto. Vá lá que o povo já não se deixa iludir. Seruca tu que disses-te que farias mais pela saúde do Concelho em 4 anos como Presidente de Câmara do que como médico durante toda a tua vida. Sinceramente?!? Bem me enganas-te. Bem que me iludis-te. Mas comigo isso só acontece uma vez. A Santa Casa vai cobrar as outras camas de certeza ao mesmo preço que cobra actualmente no Lar possivelmente. Tenho conhecimento de camas a 700€ por mês. Foi isto que fizes-te pela saúde do concelho de Loulé. Seruca arruma mas é a mala e volta para de onde nunca devias ter saído. SINCERAMENTE. Amigo Tou-ta-Ver obrigado pela informação. Se tiver conhecimento de outras manhosices, faça favor, a porta esta aberta. Deslumbra-nos. Sabe alguma coisa dos ordenados chorudos dos senhores acessores que tem o dito cartão cor de laranja?
Bem Hajam.


De Tou-ta-Ver a 18 de Maio de 2005 às 22:02
Bom, escrevi aqui, mas parece que não carregou. Vamos ver se, desta vez, o meu comentário segue...

Afinal o senhor Rui Miguel fez uma pergunta e parece que ninguém lhe respondeu. Então, eu vou tentar satisfazer-lhe a curiosidade, de uma forma sucinta e concisa: o hospital será um hospital privado, sim. No entanto, ficará obrigado a «permitir» que o Estado lhe pague algumas camas (concretamente, apenas 14) que ficam reservadas para os utentes do Serviço Nacional de Saúde. Todas as demais camas serão pagas (presume-se que muito bem pagas, pelo que se conhece dos «privados») pelos respectivos utilizadores. Ou seja, o hospital fará o favor ao Estado de lhe permitir que este lhe pague 14 camas. Em troca, o Estado e a Misericórdia de Loulé oferecem todas as condições para que o hospital possa fazer o seu «negociozinho». Ponto final. Entendido?
Esta será a grande obra da saúde de que Loulé irá beneficiar, futuramente. É «benefício» demasiado por quem esperava que lhe fizessem «mais pela saúde». Vamos ver... quem serão os médicos que depois irão trabalhar nesse hospital privado...

Mudando de assunto: este blogue tem demonstrado preocupações e interesse pelas coisas de Loulé. É louvável. Um blogue como este é um espaço aberto à opinião dos cidadãos e nem todos têm de ter pontos de vista coincidentes ou afins. Pode cada um expressá-los pois, se assim não fosse, o «dono» do blogue poderia impedi-los de o fazer.
Mas não se entende que, espaço de debate cívico que é, nele surjam comentários como os de senhor Barrote ou do senhor Oscar que, em vez de cooperarem, fazendo-nos partilhar dos seus pontos de vista, prestam um mau serviço, não só à Sociedade, à sua terra, à sua freguesia, mas até às instituições que pretendem defender, mas, afinal, apenas prejudicam, ao deixar a nu, quando não a ignorância dos factos e situações, a baixeza de comentários mas adequados a um «levanta-te e ri». Se querem usar as suas liberdades cívicas, podem fazê-lo com elevação, contribuindo para o progresso, para a busca de soluções, ou para o apontar de erros. Ou até para demonstrar que os pontos de vista dos outros estão errados. Loulé, o Concelho, S. Sebastião ficar-lhes-iam gratos. E todos cresceríamos.

Agora você, António Almeida: pelos vistos, está e reunir consensos, já que parece demonstrar vontade de concorrer nas próximas autárquicas, ao mesmo tempo que procura apontar erros e buscar soluções para a freguesia. Bom, se os seus propósitos são honestos, e tudo parece indicar que o serão, já que demonstra saber o que pretende para bem da nossa terra, então vá em frente. O meu voto será seu se continuar a demonstrar que tem objectivos para a «sua» freguesia, para a «sua» terra.
Entende-se que vai concorrer em listas do PS; pois então, será no PS que eu votarei desta vez. Mas, atenção, se daqui por 3 anos e meio se vier a demonstar que o uso que fez do meu voto foi idêntico ao que fez o Horácio nas ultimas eleições... aí vai ter, em mim, um crítico e um adversário implacável. Muito mais que o sou para com o actual presidente da Junta. É que ao Horácio não se poderia exigir que fosse mais que... «um bom rapaz» como ao Seruca não se pode exigir mais que volte a ser um «bom médico». Mas você, Almeida, você vem despertar-nos a esperança e nada é mais doloroso para o ser humano do que destruirem-lhe a esperança. Portanto...
Vá em frente. Prepare-se bem. Reuna-se com quem o possa ajudar, fuja de compadrios e amigos de ocasião. Lute. Use o meu voto de forma útil e eficaz. Faça-o de forma esclarecida e com o olhar fixo num futuro de progresso. Aí, eu que não o conheço ainda, terei, então, o prazer de poder ser seu amigo.


De Pedro a 18 de Maio de 2005 às 19:47
Meus Senhores! Discutam mas com elevação! Se querem ser úteis a Loulé, minha terra,construam e não destruam!


De Antnio Almeida a 18 de Maio de 2005 às 15:57
Óscar, o humor de fino recorte, até diverte, mas caro amigo, deixe opiniões sobre os temas em debate. Saiba que de humor e boas-vontades eatá o Inferno cheio. Comente, seja útil, apreciaremos muito mais a sua colaboração!


De oscar alho a 18 de Maio de 2005 às 15:16
Volta Vairinhos ....................o vendedor de canetas anda desorientado, o Madeira ainda quer ter uma palavra a dizer mas o homem já se emancipou e quer ser ele a dicidir, o DR Hugo Nunes já não lhe dá ouvidos,o Murta parece que anda amuado isto está um rogabofe .....porra se não fores tu isto ainda descamba numa derrota de todo o tamanho, porque os outros até estão a trabalhar bem e a coisa esta preta ainda por cima o homem das canetas já perdeu os muitos amigos que tinha em posições chave na Camara e que agora viraram a casaca, aquele ingrato estragou o arranjinho que tanto trabalho deu a fazer e nem quer ouvir falar de ti fica logo irado não sei que mal lhe fizeste até o com motorista ele anda de implicancia PORRA VOLTAS OU NÃO,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,Oscar Alho


De Antnio Piarra a 18 de Maio de 2005 às 12:41
Assim se pode avaliar a educação e o espirito democratico de alguns elementos do PSD local!....
Apenas lamento os insultos aqui manifestados..Comentários para que?!!!!


De Antnio Almeida a 18 de Maio de 2005 às 09:56
Obrigado Miguel pelo apelo, obrigado Rui pelo pedido de informação com verdade. Pois saibam ambos e os demais participantes neste forum que partilho desses vossos desejos/pedidos. Acho que a questão hoje, está em saber como se concebe a acção política. Aqui, quanto a mim, reside a grande questão, na lógica do exercício do cargo que cada qual aceita exercer. Por mim está claro: primeiro estão as pessoas e não os partidos; não segrego ninguém, quem acreditar que eu posso ser útil, vote em mim e eu darei o meu melhor por aquilo que prometer fazer, tudo farei por vencer as barreiras que pelo caminho surgirem. Se não me escolherem não ficarei triste, continuarei a fazer o meu trabalho. A bandeira que defendo é a de Loulé e essa é de cor fuchia/roxo. Não quero discutir exercícios passados mas o presente em vista das promessas feitas e da avaliação que faço das realizações que vejo. QUE VIVA LOULÉ! PELO PROGRESSO, CONTRA A CRISE!


De Miguel MAPP a 18 de Maio de 2005 às 02:49
Caros senhores, já se viu anteriormente qual é a estratégia de determinadas pessoas a quem não interessa ver certos assuntos debatidos abertamente, inundar de ofensas na esperança de que a resposta leve a mais do mesmo. Não se deixem levar na cantiga, vamos comentar os assuntos em debate e nada mais. Cumprimentos


De Rui_Miguel a 18 de Maio de 2005 às 01:48
È verdade se souberem de mais novidades ou alguma coisa que me tenha escapado, tornem-se uteis à Sociedade deste nosso Concelho. Esclareçam as pessoas. Em tempos perguntei aqui neste blog a historia dos ordenados de acessores e ninguem respondeu. Meus Senhores para bem de tudo e de todos não digam as coisas às metades. Cheguem-se a frente. O povo esta sedento de saber a verdade. De saber comó são os nossos impostos empregues. Bem haja


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Agosto 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

13
15
16
17
18

21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


.posts recentes

. Novo Espaço para o "seBAS...

. Estacionamento Eleitoral!...

. Biografia de Miguel Torga...

. 100 anos de Torga... Libe...

. Do rico espólio documenta...

. "Tomada do Castelo"... de...

. Inauguração Amanhã!

. Vem à Terra o mais ilustr...

. Silêncio à espera de Agos...

. A uma Boa Notícia ofereço...

.arquivos

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

blogs SAPO

.subscrever feeds